Relatório

Estudo de Avaliação do Efeito do “Projeto de Capacitação dos Docentes em Competências Digitais” - Divulgação de Relatório

Relatório

A Direção-Geral da Educação (DGE) divulga o Relatório Final - Estudo de Avaliação do Efeito do “Projeto de Capacitação dos Docentes em Competências Digitais”, produzido pela Universidade de Aveiro (UA), documento que disponibiliza os resultados do estudo do efeito da formação dinamizada pelos Centros de Formação de Associações de Escolas, no âmbito da Capacitação Digital de Docentes (CDD) dos ensinos básico e secundário dos Agrupamentos de Escolas e das Escolas não agrupadas, da rede pública de Portugal Continental.
Os resultados, obtidos na sequência da aplicação de dois questionários (pré e pós-formação) a docentes, bem como de um outro questionário aplicado a formadores, permitem concluir que o efeito da capacitação digital é bastante positivo, traduzindo-se no aumento de níveis de proficiência dos participantes em todas as áreas de competência digital e, consequentemente, no nível da proficiência digital global. De entre os vários aspetos, merece especial destaque o facto de as respostas dos docentes permitirem concluir que, após a formação, “[…] a pontuação média global de competência digital [dos docentes] subiu de 48.6 pontos, correspondente a um nível de proficiência B1, para 55.6, correspondente a um nível de proficiência B2. Com efeito, houve uma redução significativa de docentes classificados com A2 e B1 entre o momento pré e o momento pós-formação, e um aumento significativo de docentes classificados com B2, C1 e C2” (p.40).

Recorde-se que já em 2021 a Universidade de Aveiro (UA) tinha realizado, também a pedido da DGE, um estudo diagnóstico do nível de competências digitais dos docentes do ensino básico e secundário dos Agrupamentos de Escolas e das Escolas Não Agrupadas da rede pública de Portugal Continental. Este diagnóstico foi uma das ações promovidas pela DGE na dimensão da Capacitação Digital de Docentes (CDD) , com o objetivo de delinear e disponibilizar formação aos docentes, na área do digital, de acordo com os seus níveis de proficiência. A partir desse diagnóstico, a UA procurou conhecer o efeito da formação na competência digital dos docentes, cujos resultados são apresentados no relatório que ora se apresenta.

Consulte a infografia do Estudo